Experiência Avell #01 – O início

23/07/2013
Eu sou Edmiel Leandro e Hoje vou começar uma nova série

Seguindo os passos de Hugo, que resolveu criar um blog e contar sua experiência ao adquirir um carro da montadora JAC Motors, também resolvi escrever aqui e contar minha experiência ao adquirir meu super notebook da Avell. Quem me conhece sabe que não ligo muito para marcas, tanto que meu primeiro notebook foi um guerreiro da CCE Info que durante 3 anos nunca me decepcionou e até hoje está firme e forte.

Atualmente estou precisando de um notebook mais potente em desempenho e também com uma tela maior, já que pretendo trabalhar com gráficos, modelagem e jogos. Comecei a minha pesquisa em meados de abril no mercado brasileiro mesmo.. Os pontos de pesquisa foram configurações TOP, tela grande e poder de processamento gráfico. Inicialmente decidi ficar com o HP DV7, modelo de 2012 que satisfazia meus requisitos e ficava em torno de R$ 3.500,00..

Acontece que um de meus colegas estava pra viajar para os EUA e vendo aí uma oportunidade comecei a pesquisar no mercado americano, muitas idas e vindas nos principais sites de eletrônicos acabei encontrando o todo poderoso Asus G75VW que além de trazer uma configuração excelente ainda trazia consigo um design robusto e agressivo e pra melhorar um preço em torno dos R$ 2.200,00. Foi amor a primeira vista, porém não foi possível realizar a compra por questões de logística e financeira. Daí decidi pesquisar outra opção que valesse a pena um bom investimento e foi aí que encontrei a Avell.

Avell, fabricante de notebooks, está no mercado há 9 anos. Com foco somente em notebooks, a empresa tem inovado o mercado nacional de portáteis com modelos de notebooks de alto desempenho e personalizados com as mais variadas cores, configurações e tamanhos. Desde sua fundação, tem como objetivo oferecer aos clientes os melhores produtos, variedades, qualidade dos serviços de pré e pós venda e muita tecnologia. O processo de fabricação está de acordo com o PPB, além de possuir ISO 9001.

Comecei a vasculhar a loja virtual e buscar referências em sites conhecidos como o fórum Adrenaline, Techmundo e até mesmo o youtube onde encontrei alguns vlogamers falando muito bem da marca. Mas isso é assunto pro nosso próximo artigo, a pré-compra.

Até mais 😉